Feeds:
Posts
Comentários

Archive for 30 de abril de 2009

É difícil escrever com tanta euforia, amicos.

É difícil pensar em tática, em quem acertou, quem errou, se o juiz roubou… é difícil porque quem é palestrino escreve – como diz nosso canto dois posts abaixo – com a alma e o coração. Mas vamos tentar…

O jogo, em si, foi todo nosso. Desde a saída de Macnelly Torres os “chinelos” perderam o meio-campo. Incrível como são dependentes do colombiano! E a partir daí, só com bolas no Barrios, ficou fácil marcar.

Grande partida, aliás, da nossa zaga – em especial do Maurício Ramos. E aplausos gigantescos ao menino Souza (ou Ferrugem, ou Souza da Guia, ou Ruivo Hering), que jogou demais.

Com a marcação impecável, atacamos. E só não matamos o jogo porque tem zica em cima do K9… Dio mio! Só pode ser zica. Duas na trave… não é possível.

Na segunda etapa fomos totalmente raçudos. Sem Marcão, expulso infeliz e corretamente, e com as lesões de Pierre e Diego Souza, quem estava em campo foi literalmente um bando de leões (ou porcos com gripe, que seja).

O gol só coroou o melhor time em campo. Só trouxe a vitória pra quem mereceu. E o Cleiton Xavier, que não jogou bem ontem e não arriscava faz tempo, fez um tento mais que merecido. O mais importante da vida dele, com certeza.

Destaque também para o Luxa, que mexeu perfeitamente na equipe. Jogou pra frente, não teve medo e ainda deixou o Capixaba no banco.

Já o juizão careca foi bem caseiro… BEM caseiro.

Mas isso é Libertadores. Isso é Palmeiras.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Anúncios

Read Full Post »

020601253-dp001

Essas foram as palavras melancólicas de um narrador esportivo chileno.

Desculpem-me, palestrinos, mas às 4h da manhã eu ainda estou eufórico e não tenho palavras para descrever este momento.

Só essa camisa pode fazer isso.

Chupem todos aqueles que falaram que a gente não se classificaria! Aqui é Palestra!!! Palavras de um palestrino que ainda chora ao ver o gol do nosso camisa 10. Não tenho a mínima vergonha de admitir isso!

Agora, avanti!!!

Siamo Palestra e não siamo pouco!

Elton Reale

Read Full Post »