Feeds:
Posts
Comentários

Archive for 14 de janeiro de 2010

Caro Vágner Love,

Agora que finalmente acabou essa novela sem graça e você se foi, gostaria de lhe dizer algumas coisas.

A primeira é que não desejo o seu mal. Você está saindo do Palmeiras, indo para o Flamengo e espero que você esteja feliz com tudo isso. Seria muito mesquinho da minha parte – e muito ridículo da sua, se for o caso – imaginar que 15 milhões de apaixonados por um clube como o nostro perderiam tempo com isso.

Já a segunda é que você nos ajudou, sim. Mas lá em 2003/04. Da sua subida aos profissionais até sua venda para a Rússia, você foi o atacante goleador e insaciável que qualquer torcida gostaria de ter. 2009 foi um ano nulo para você – e também para todo o Verdão. A culpa não foi só sua; mas você tem parte negativa neste processo.

Por fim, mas não menos importante, gostaria de deixar apenas uma dica: não confunda sonhos com ingratidão. Se você é flamenguista e queria ir para lá desde o início, que tivesse a hombridade de recusar a oferta do Palmeiras e correr atrás do negócio que esperava ano passado. Criar todo esse problema com o time que te lançou para o futebol é, no mínimo, uma estupidez sem tamanho.

Coisa que vai demorar, mas, um dia, você vai entender.

Resumindo, meu caro, passar bem. E não volte nunca mais.

Abrazzo,
ROJAS.

_______________________________________________________________

Siamo Palestra!

Read Full Post »

Assistam a esta entrevista, Palestrinos: http://siga.st/2vrl.

Nela, Muricy Ramalho fala aproximadamente dez minutos sobre muita coisa. Sobre o time do ano passado, sobre as expectativas para 2010 e até sobre seu relacionamento com a imprensa. Enquanto ouvia Muricy, fiquei tão a vontade  que precisava dizer isso para vocês: eu acredito nele!

Já ouvi muita gente falar que não gosta dele, que o cara é bambi, que estava acostumado com outro tipo de rotina e etc., mas eu digo desde já que gosto do nostro treinador. Sempre gostei, aliás. Ele é o tipo de cara que você desvincula do time que defende – SPFW é uma coisa, Muriçoca é outra.

Dá pra perceber a franqueza nas palavras e no modo de se comportar. Tanto é que o único momento onde ele fica um pouco desconfortável, é quando cita a novela Vágner Love (mesmo querendo dizer que o ex-camisa 9 já foi, ele não pode).

E o mais importante de tudo é que ele quer ganhar. Tanto quanto eu ou você, ele quer dar títulos e alegrias pra nostra massa. Por isso, aí vai uma aposta para 2010: nostro treinador vai voltar a ser vitorioso.

Até porque ali é trabalho, meus filhos.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »