Feeds:
Posts
Comentários

Archive for 16 de abril de 2010

Robert fez o gol da vitória.

Copa do Brasil é assim, Palestrinos.

Quando se joga dentro de casa, você se preocupa em não tomar gols; quando joga fora, se preocupa em fazer um. Foi com este pensamento que o Palmeiras entrou em campo ontem, diante do fraco time do Atlético/PR, e fez a vantagem mínima. Poderia ter sido mais? Sem dúvidas. Mas ficou de bom tamanho.

O JOGO
Na base do bumba meu boi, o Verdão começou a partida forçando o jogo pela direita e tentando pressionar a brisinha curitibana. Aliás, todo o 1º tempo se desenrolou do mesmo lado do campo: o Palmeiras atacava pela direira com Figueroa e M. Araújo, enquanto que o Atlético subia pela esquerda, com Márcio Azevedo e Paulo Baier.

E foi justamente naquela faixa do campo que Robert, aos 14′, tabelou com Edinho e fez o gol da vitória. Um gol simples, usando o tradicional um-dois e que ganhou um temperinho especial com o passe cheio de marra do camisa 3.

A partir daí, amicos, os 30  minutos subsequentes se resumiram a nostros chutes de longe e aos 58 escanteios batidos pelo morfético do Paulo Baier – onde ele tomou amarelo e merecia até o vermelho (que foi dado com justiça mais tarde).

Na segunda etapa, o recado de Antonio Carlos Kojac ficou bem claro: não se expor e só subir na boa. Daí foi passe pra cá, passe pra lá, mais centenas de cruzamentos em nossa área (e só perdemos uma delas, em grande defesa de São Marcos) e nada de gols.

Poderia ter sido 2. Mas, ontem, 1 a 0 foi goleada.

O MELHOR
Nunca achei que fosse escrever isso aqui, mas foi Edinho. O nostro Shrek deu passe de calcanhar, defendeu feito um leão e chegou até a finalizar.

O PIOR
Pelo que se esperava dele no jogo, Lincoln.

O CASO DANILO
Vamos ao lance como ele foi (eu estava atrás do gol e vi do mesmo jeito que depois na TV): escanteio, fazem falta em São Marcos, o juiz bundão não marca, Danilo tomada uma cabeçada de Manoel fora do lance, dá uma cusprada de volta e fala grita com ele no chão.

Manoel merece punição pela cabeçada (e pelo posterior pisão em Danilo no final do jogo)? Sim. Danilo merece punição pela cusparada? Também. Mas Danilo agrediu verbalmente o zagueiro, chamando-o de “macaco”? Aí é palavra contra palavra.

No futebol, infelizmente, sabemos que ofensas desse tipo são comuns. Pode ter acontecido (e então Danilo mereceria, sim, mais punição). Mas por que, ao sair para o intervalo, Manoel disse que não houve nada e que havia sido coisa de jogo e depois de tomar banho quis fazer B.O.?

Está na cara que é pra colocar o Palmeiras em uma situação complicada na quarta que vem.

Mas quer saber? Vamos lá e vamos ganhar do mesmo jeito.

___________________________________________________________

Atualizando: acabo de ouvir o áudio da ESPN e Danilo realmente chamou Manoel de “macaco do caralho”. Está errado e merece punição. Pior para a gente, que vai perdê-lo por até 120 dias na Copa do Brasil e no Brasileirão, e pior para o próprio camisa 23, que vai responder processo sobre isso.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Anúncios

Read Full Post »