Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘China’

Foi apenas um amistoso, Palestrinos.

O elenco não estava todo disponível, muitos dos reforços ainda estão em adaptação, mas fica impossível segurar a ansiedade em dar pitacos sobre o Palmeiras 2015. Portanto, vamos ao que melhor aconteceu ba vitória por 3 a 1 sobre o Shandong Luneng.

Quem mais se sobressaiu, sem dúvida alguma, foi Allione. Bastante a vontade em campo, o argentino buscou jogo, driblou, finalizou e foi o motorzinho do time durante o período em que esteve dentro de campo. Aliás, os argentinos, em geral, estiveram bem: além dele, Tobio foi bastante combativo e Cristaldo aproveitou o tempo em campo para marcar o dele.

Outros que marcaram – e em suas estreias – foram Lucas e Leandro Pereira (que fez boa dupla com, quem diria, Maikon Leite). O lateral-direito, aliás, não é nenhuma maravilha, mas já demonstrou ser muito melhor que Wendel, Weldinho e outras dragas que passaram pela posição nos últimos anos (além de passar experiência a João Pedro). Zé Roberto mostrou a vitalidade de sempre, mas ainda é de se pensar se aguenta jogar 90 minutos na lateral – ainda que conte com a proteção de de Amaral e Douglas, que não foram nada exigidos pelos chineses.

Os demais atletas – incluídos aí estreantes como Victor Hugo e André Girotto e outros que já estavam no grupo, como Mendieta e Tiago Real – não chamaram a atenção nem para o bem, nem para o mal.

Enfim, o início foi animador. E a tendência, com Nathan, Dudu, Valdivia e outros em campo, é melhorar. Se Oswaldo seguir a linha de um time com posse de bola, que dosa bem a velocidade, este ano pode ser mesmo uma retomada.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Anúncios

Read Full Post »

Existe vida pós-título, Palestrinos.

E é exatamente com esta vida que temos que nos preocupar. A lista de objetivos não é longa, mas é extremamente importante: se recuperar no Brasileirão, acertar o grupo que irá jogar a Libertadores-2013 e renovar contrato com Felipão.

A recuperação no Campeonato Brasileiro não anda fácil. Para o jogo de amanhã, diante dos coxinhas, lá no salão de festas Paraná, são nada menos que 11 desfalques. Em meio a contusões e suspensões, não teremos um time inteiro e ainda por cima um técnico – já que Felipão também assistirá de fora.

É aí que, infelizmente, me obrigo a falar deste câncer chamado Superior Tribunal de Justiça Desportiva. Um órgão cego, comandado por uma anta, que simplesmente lê súmula e bate martelo sem nem saber o que é o futebol. Segundo os relatórios liberados ontem, por exemplo, Scolari foi suspenso por aplaudir o árbitro e Valdivia por ter ameaçado jogar a bola no rosto de um adversário e por ter desferido uma pseudo-cotovelada.

Entendam: não é se sentir perseguido; eu só quero que todos entendam o mal que esse maldito tribunal faz ao já tão administrativamente prejudicado futebol brasileiro.

E lá vamos nós para Curitiba tentar nos reerguer novamente contra tudo e contra todos. Na bagagem levaremos ele, o bom e velho Obina, opção de Felipão para compor o elenco. Longe de mim falar mal de Betinho, mas, cá entre nós, o Eto’o soteropolitano tem mais rodagem e corpo para fortalecer nostro ataque.

O outro reforço anunciado é Netinho, meia-esquerdo de 21 anos, contratado por um período de experiência – tal qual seu quase homônimo Betinho. Abaixo você assiste um vídeo do rapaz que, pelo jeito, não é nenhum craque de bola (embora lembre o jeito de jogar do Pedrinho), mas pode ajudar um time que vive de Daniel Carvalho, Felipe e Patrik a sombra de Valdivia. Além disso, antes apostar em um cara “custo zero” do que sair por aí contratando Renatos Cajás e afins.

Vamos, Palmeiras, entrar de vez no século XXI!

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »