Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘cipullo’

Lá se foi a Copa do Mundo, Palestrinos.

Triste para os limitados times de Brasil e Itália, feliz para o bem organizado futebol espanhol. Mas, enfim, acabou. E quinta-feira já tem batalha diante das Sardinhas no Pacaembú. Foram mais de 40 dias de treinamento e preparação no Palestra, onde muito se falou e, em prática, pouco se viu. A começar pelo comentarista número da Copa, Felipão.

FELIPÃO
O caso de nostro novo treinador é emblemático. Enquanto o mundo clama por ele na Seleção, nostra diretoria simplesmente se cala. É claro que eu acredito na palavra de Scolari e não acho que ele nos trairia agora assumindo o time da CBF, mas não custaria nada um membro da diretoria vir nos tranquilizar. Parece que têm medo dele mudar de idéia… lembrem-se da nostra grandeza, cazzo!

REFORÇOS
Kléber e Tinga foram duas belas contratações: ter o Gladiador e o destaque do Paulistão em nostro elenco irá reforçar a mediana base que temos. Tadeu já é mais polêmico, contudo acredito ser uma boa aposta devido às suas características de jogador de área. Armero voltou, mas não podemos considerá-lo reforço de maneira nenhuma.

VALDÍVIA
Esse é outro caso onde a incompetência de nostra diretoria grita. Já faz 2 semanas que se fala na volta do Mago, Balluzzo anunciou que o Al-Ain aceitou a proposta e, de repente, do nado, um diretor do clube arábe diz que não vão vendê-lo. Afinal de contas, qual a verdade?

DENTRO DE CAMPO
Em teoria, os 11 titulares pouco mudaram e a equipe desta quinta-feira deve ser a mesma de sempre e do amistoso da última sexta – com o bom reforço de Kléber. Tadeu é reserva, Tinga deve ser ao menos no início (eu o colocaria na vaga de Márcio Araújo) e Armero vai brigar pela lateral-esquerda com Gabriel Silva. Se chegar, Valdívia deve mandar ou Cleiton ou Ewerthon para o banco. Se chegar…

Enfim, não era aintenção deste post atacar nostra direção. Digo novamente que achei as contratações muito bem feitas. Mas nada me irrita mais do que ver diretores do campeão do século XX agindo como se representassem o Juventinho.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Anúncios

Read Full Post »

O que estão fazendo com nostro Palestra, amicos?!

Time desmotivado, jogadores indo embora, brigas internas, lances bizonhos… Por San Genaro, o Palmeiras está completamente sem comando! Não tem técnico, não tem presidente, não tem diretoria, não tem atitude, não tem nada. Falta comando em absolutamente todos os setores.

Belluzzo diz sempre estar no comando da situação, mas nunca resolve nada; Cipullo e Seraphim Del Grande viajam atrás de reforços e conseguem perder jogador medíocre até pro Fluminense; o dono da Traffic diz que acha legal cobrar R$300 num ingresso; Antônio Carlos escala Vítor de zagueiro e consegue sair na mão com três atletas dentro do ônibus; dentro de campo ninguém tem coragem de bater um pênalti…

Onde vamos parar desse jeito?!

Não sei o que dizer. Infelizmente, hoje o Palmeiras é a própria casa da mãe Joana. Como aconselhou o porteiro do meu prédio, “reza, Seu Henrique, reza”. É o que eu vou fazer.

E ainda assim e sempre… Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

Que fase, Palestrinos…

Como se já não bastasse nostros evidentes problemas, ainda temos que ouvir algumas declarações estúpidas de pessoas ligadas ao Palmeiras. Ontem, ao comentar o futuro dos estádios de futebol, o manda chuva da Traffic, J. Hawilla, soltou uma frase que me dá náuseas.

“A turma que vai à geral agora, ficará assistindo só na TV. É gente que não consome nada, depreda e mata no metrô. Não interessa mais ao futebol. Dá orgulho ver o público pagar R$300 pelo ingresso. Não defendo a elitização, mas o futebol precisa de dinheiro”.

Percebem o que ele disse? Percebem o que um influente homem do futebol do Palmeiras (e não me venham falar que ele não é “do futebol”, porque ele manda mais que o Cipullo) disse para todos escutarem? E mais do que isso: percebem como isso pode estar perigosamente ligado à nossa futura “Arena”?

Eu não tenho nada contra a Traffic. Até por ser sincero, já escrevi neste espaço que, não fosse por ela, hoje não teríamos metade do time que aí está e que, aí sim, estaríamos lutando pra não cair no Brasileirão. Só que tem coisas que não dá pra aguentar. E essa declaração é uma delas.

Se a mentalidade da nostra diretoria estiver mesmo alinhada com a do parceiro maior que temos no futebol, nem San Genaro irá nos salvar. Desdenhar do torcedor de “geral” é simplesmente desdenhar do cara que mais se esforça pra assistir a uma partida! É absurdo! Inaceitável!

Se o futebol precisa de dinheiro, ele que ache maneiras de fazer mais dinheiro. Tirando pessoas dos estádios e promovendo ingressos caríssimos é que não vão conseguir nada. Acorda, Belluzzo! Senão diga-me com andas e eu te direi quem és.

EM TEMPO
Perfeito o texto do Blog do Galluzzi sobre a lenda da torcida que derruba jogador.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

Sejamos francos, Palestrinos.

O elenco do Palmeiras de 2010 é este que está aí. Claro que alguém pode sair (dispensado ou vendido na marra), outros podem chegar (serão de nível Série B ou “destaque do Paulista”), mas a base é essa e é com esses jogadores que vamos passar, pelo menos, os próximos 9 meses. Daí vem uma dúvida que ecoa há muito na minha cabeça: é tão ruim assim?

Porque, pra mim, não é.

Tá certo que eu já vi milhares de times do Verdão melhores que este que está aí, contudo este certamente não é o pior. Temos jogadores que podem fazer a diferença (Marcos, Pierre, Diego, Cleiton), outros talentosos (Sacconi, Marcio Araújo, Ivo) e muitos, claro, que só formam elenco. Você acha mesmo que estes vinte e poucos atletas são do nível da décima colocação no Paulistão?

Claro que não. Não são décimos nem no Brasileiro!

Só que aí entram diversos pontos divergentes. Como pode, por exemplo, um time da nostra grandeza contar com um único atacante? Quando Robert está mal, simplesmente não há substitutos. E a diretoria continua dormindo… Outro ponto é a mudança de comando: quando chega um novo treinador, precisa-se se tempo pra notar alguma mudança. E nó sabemos que, no Palestra, é tudo pra ontem.

Mais ainda: nostra diretoria é 100% omissa. Se tivessem um pingo de vergonha na cara, multariam um jogador como Diego Souza pela lambança de ontem. Todo mundo que prejudica o time de maneira deliberada merece multa. Só que nostra diretoria é por demais gentleman com os atletas.

Enfim… para salvar 2010 é preciso colocar ordem na casa. Se nem Belluzzo, nem Cipullo, nem Del Grande vão bater no peito e chamar a responsabilidade, quem vai?

Lembrem-se: nostro time não é fraco. 2010 ainda tem jeito.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

É óbvio que alguma coisa precisava ser feita, Palestrinos.

Mas, mais uma vez, a nostra diretoria se mostrou fraca e pendeu para o lado mais fácil da situação: demitir o treinador. Não que eu ache que o time esteja indo bem – muito pelo contrário – e que tenha um baita padrão tático, contudo, após a reformulação de começo de ano (dispensa de uns, chegadas de outros poucos) seria natural se ter mais paciência.

Porém, Belluzzo sucumbiu. Me decepcionou. Eu, que gosto tanto dele e o defendo, me senti um idiota vendo que a pressão política histórica e ridícula do Palmeias rendeu nostro presidente. Pressão essa, aliás, advinda do conselho totalmente volátil em suas opiniões e de um diretor fraco como Cipullo.

Eu realmente acho que Muricy estava devendo e que Toninho Cecílio tinha sua parcela de culpa (é bom lembrar que Belluzzo pediu que ele reduzisse em 30% os gastos com o elenco, o que atrasou a chegada de reforços); no entanto, são duas pessoas que realmente trabalharam e se esforçaram pelo clube e que não terão substitutos à altura no momento.

Não tenho nada contra Antonio Carlos – que é identificado com o Verdão e sempre demonstrou fibra -, mas ele é inexperiente demais pra assumir nostro Palestra. Isso sem falar as papagaiadas que ele fez enquanto esteve na gambazada e no sul. Antes buscassem o Jorginho de volta ou conversassem com o Silas, que está “mal” no Grêmio.

E pior ainda é aguentar Mustafá cantando vitória e ler Lixomburgo colocar uma nota na imprensa apoiando Muricy – ao qual ele nunca gostou e sempre alfinetou…

Enfim, desculpem por essa nota verborrágica. Foi um desabafo. Eu estou simplesmente decepcionado com esta atual diretoria e já estou quase desistindo de achar que um dia nostro amado alviverde terá uma direção forte.

Seja como for, sempre… Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

Obviamente que é inadmissível, Palestrinos.

Perder para o São Caetano, em casa e por goleada, não dá. É um resultado preocupante, um jogo preocupante e algo que não esperamos ver novamente tão cedo. Mas, daí a dizer que é o fim do mundo, que Muricy precisa sair agora e que vamos cair no Brasileiro é forçado demais.

O que vimos ontem, em campo, é apenas o reflexo de um elenco que ainda está com carências. O problema do ataque, por exemplo, parece uma novela. As laterais ainda estão fracas. E, claro, faltou muita organização no meio-campo.

Mesmo com 3 volantes, a proteção foi absolutamente nula. Claro que aí entra a parcela de culpa de Muricy Ramalho. Contudo, volto a dizer, não acho que ele seja o grande culpado por tudo. Colocar a culpa no treinador quando se toma dois gols de Eduardo e um golaço de Luciano Mandi é até sacanagem.

Muricy é culpado. Cipullo é culpado. Belluzzo é culpado. Os jogadores também o são (pra variar, salvaram-se São Marcos, Pierre e Diego Souza). Mas é hora de acertar a casa. Domingo tem clássico com a bambizada e começar o apocalipse agora seria uma burrice sem tamanho.

Espero que todos entendam a situação. E que fique bem claro: é início de temporada, porém o Carnaval acabou. Vamos esperar o que acontece no domingo – e, dependendo do desempenho da equipe – vamos começar a cobrar com forzza.

Sempre… Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

Ultimamente, ser palmeirense é acompanhar novelas, Palestrinos.

Nem a Globo tem investido tanto em tramas longas, tensas e desnecessárias como o nostro Verdão. É jogador que vai, mas não vai, outro que vem, mas não vem, contratação que não sai, obras que não começam… é tanta coisa que dá pra fazer uma grade de programação alviverde.

A ARENA DA DISCÓRDIA
Ao melhor estilo Malhação, as obras no Palestra estão da mesma forma que os estudantes da trama adolescente: já têm 30 anos, mas continuam no colegial. Já faz mais de 1 ano que falaram em início das obras, pedra fundamental e até agora nada aconteceu. Dia 13 de março, aliás, tem show Guns N’Roses.

EDINHO
Com a leveza típica das novelas de época das 18h, tem um enredo aparentemente leve, mas que nunca acaba. O jogador já foi liberado pelo Lecce, o Palmeiras já fechou o negócio, o Inter não se opôs a nada e, ainda assim, já vamos pra quase 2 semanas de enrolação.

AVANTI PALESTRA
Com o tradicional bom humor que domina a novela das 19h, segue o lançamento-não lançamento do já famoso projeto de sócio torcedor verde, o Avanti. Tal qual já escreveu muito bem o pessoal do Forza Palestra, o novo programa apresentado é tão ruim quanto o Onda Verde. É um show de error e palhaçadas de alguns profissionais bem mal preparados.

ATAQUE DE NERVOS
Certamente a trama mais tensa de todas, envolve coinflitos em vários núcleos – tal qual a novela das 20h. Love quis, sair foi liberado, o Flamengo não tem a grana, o CSKA o quer de volta e o camisa 9 já parece arrependido; Robert diz que tem tudo certo no México, mas a Federação está de férias e o contrato deve demorar mais que uma tequila ouro; enquanto isso, Kléber, Sóbis e Marcelo Moreno namoram, mas não casam com o clube.

E você, também já está cansadode tanta novela? Eu ando preferindo ver TV Senado…

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

Older Posts »