Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘datolo’

Eram jogados 15 minutos do segundo tempo, Palestrinos.

O Palmeiras havia empatado o jogo pouquíssimo tempo antes, mas, para quem assistia o jogo, a chegada da derrota já parecia inevitável. Nós, nos defendendo recuadíssimos e expostos; eles pressionando e com mais meia hora de jogo pela frente. Sendo sincero, o gol de Dátolo até demorou pra sair.

Assim foi ontem e assim tem sido já faz algum tempo: nós não nos surpreendemos mais com os maus resultados. E isso é grave, muito grave.

Acompanhar jogos do Palmeiras tem sido um martírio para quem ama o time de verdade. Pouco importa se a partida é em casa ou fora, contra quem é o jogo, nem mesmo a posição do adversário na tabela; a certeza é de futebol ruim e dificuldades até o fim.

Não estou falando isoladamente sobre ontem – nem mesmo sobre o ano de 2014 -, estou falando de anos e anos desta desgraça. Desde o Brasileirão de 2009 nós não vemos o Palmeiras jogar um futebol aceitável. Faz cinco anos que entramos no maior campeonato nacional para lutar pelo meio da tabela ou contra o rebaixamento! E isso sendo realista, sem exagero nenhum.

A derrota ontem era tão inevitável que qualquer um de nós sabíamos que era questão de tempo. Fábio, Lúcio e Vitor Luis eram oásis de vontade e milagres em meio a um catado que não conseguia trocar mais de três passes seguidos dentro de campo. Olhar a displicência de Wesley, a sonolência de Menezes, a postura assustada de Renato e a já tradicional má vontade de Leandro é assassinar um domingo das nostras vidas. O Dia dos Pais virou dia da ira.

E que fique aqui bem claro que a culpa não é de Gareca ou da maioria dos atletas: quem montou essa monstruosidade que está em campo foi a diretoria. Estamos jogando a Série A com um time inferior ao da Série B.

E assim seguimos a 8 jogos sem vencer, a 1 ponto do rebaixamento e com dois jogos complicadíssimos pela frente (SPFW e Sport). Ou o time trabalha pra valer esta semana e vence no domingo, ou podemos nos preparar para o pior.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

https://i2.wp.com/esportes.r7.com/blogs/cosme-rimoli/files/2012/12/reproducaoveja.jpg

Lá vem ele novamente, Palestrinos.

Após 2 anos de um mandato cheio de altos e baixos, Arnaldo Tirone vai tentar a reeleição. Sim, é isso mesmo que vocês leram: mesmo com o rebaixamento, contratações bisonhas e contas que não fecham, Arnaldinho está convencido de que fez um bom trabalho na presidência do Palmeiras. Mais do que isso até, ele está dificultando a esperada passagem do bastão.

Com eleições somente em 21 de janeiro, o atual mandatário que saiu por aí ventilando reniões semanais com os presidenciáveis, tem boicotado os encontros. Não só não comparece, como diz que o faz porque está ocupado demais planejando 2013. E, assim, vai empurrando mais dois anos de possíveis mudanças para o lixo.

Os leitores do Siamo Palestra sabe que somos um blog apartidário. Não temos envolvimento político nenhum dentro do clube. Mas os recentes acontecimentos que chegaram a nós nos fazem crer que o banana-mor está virando ditador. Tirone é muito mais Contursi do que se imaginava!

Enquanto nomeia um novo diretor de marketing e o autoriza a soltar vídeos bonitos na internet, este verdadeiro câncer passa as tardes planejando fazer o que o Sapo Gordo fez em 2003: montar um verdadeiro time de Série B para o ano que vem. Não importa o tamanho do Palmeiras, não importa que tenhamos a Libertadores, não importa nada. Simplesmente diz que não temos dinheiro e fecha as portas para futuras mudanças. Ele está acimentando qualquer esperança que podemos ter.

Para se ter ideia, ele simplesmente ignorou a possibilidade de receber o meia Dátolo, ex-Boca e atualmente no Inter, por empréstimo. Não atendeu telefonemas de um intermedário nem se pronunciou. E agora, amigos, é bem possível que o argentino que poderia ser titular por aqui feche com algum de nossos rivais.

Outro ponto é que, mesmo com a dispensa de oito jogadores, ele não sinalizou nem sequer com um real de aumento para Hernán Barcos. Logo o atacante que, diga-se de passagem, recebe menos que Maurício Ramos e algo próximo a um terço da quanti amensal paga ao chinelinho Valdívia…

Por isso, volto a dizer que não apoio nenhum dos candidatos que estão na briga presidencial para os próximos dois anos, mas um deles, em especial, eu já espero que caia fora. E ele é você, Arnaldinho. Vá pro inferno com seu atraso e sua quadrilha!

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »