Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘diego souza’

Dava pra ter matado a volta, Palestrinos.

Tivemos uma noite inspirada dos quase estreantes Lincoln e Ewerthon, uma noite quase perfeita de Deola, uma raça absurda do quase capitão Diego Souza, mas foi só isso mesmo: ficamos no quase. Dava pra ter eliminado o jogo de volta, mas não dá pra condenar a partida de ontem.

O JOGO
Finalmente o Verdão começou jogando como gente grande. E com passes rápidos e muita movimentação, não tardou para sair o primeiro gol: lindo passe de Ewerthon, bela conclusão de Lincoln. Daí apareceu um problema recorrente da equipe, que é achar que 1 a 0 é goleada. E com o recuo, veio o empate do Paysandu.

(Reparem, PER FAVORE, em todos os últimos gols sofridos pelo Palmeiras: tirando o 3º dos lambaris no domingo, TODOS os outros foram sofridos em saíde de bola errada. Ontem foi Márcio Araújo, mas Pierre e Danilo andam se especializando nisso também. Obrigado.)

Mal começou o segundo tempo, no entanto, e tivemos mais uma chuvarada de chances de ampliar, até que Ewerthon aproveitou (mais uma) cabeçada torta de lenny e guardou o segundo tento. Daí pra frente, amigos, o jogo foi de Deola. Nostro terceiro goleiro pegou tudo!

E se Robert não perde o gol do ano, teríamos matado o jogo de volta. Mas eu não vou reclamar de Robert por um bom tempo. Valeu pela vitória.

O MELHOR
Ewerthon deu passe pra um, fez outro e ainda dançou o Armeration. Mas é bom destacar Lincoln e a raça da dupla Diego & Armero.

O PIOR
Eduardo mais uma vez leva o prêmio. Contudo, Lenny chegou perto de merecê-lo também.

RODÍZIO
Ontem foi a vez de Pierre, Cleiton Xavier e Robert serem poupados. Sábado é capaz que Diego, Edinho e Ewerthon também tenham folga. Acho inteligente o Kojac fazer isso, até porque ele está mantendo sempre um jogador forte em cada posição – precavendo-se de possíveis lesões. Pra mim, faz sentido.

É TREINAR!
Agora, vem cá Kojac, só entre nós: vamos treinar a saída de bola? Pierre, Danilo e Armero estão se tornando craques no quesito “dar a bola no pé do adversário em frente a grande área”. Isso é treino, meu Toninho… coloca a moçada pra treinar passe.

E AGORA?
Agora é esperar chegar o sabadão, 17h, contra a Ponte Preta no Palestra.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

Não, Palestrinos, eu não bebi ontem.

Mas a dor de cabeça, a cara amassada e aquele gosto amargo na boca são os mesmos de uma ressaca monumental. Não dormi direito e ainda não me conformo com o que se passou ontem no Palestra. Fomos simplesmente dominados por um timeco do ABC; repito: dominados!

Será que uma figura como Diego Souza consegue deitar a cabeça no travesseiro e dormir tranquilamente? Porque eu sei que alguns poucos como Marcos, Danilo e Pierre ainda têm vergonha na cara. Mas e Marquinhos, Diego, Lenny? Souza eu não cito porque ele não fez corpo mole – ele é limitado mesmo.

Não quero e nem vou comentar o jogo. Apenas alguns pontos…

SÃO MARCOS
Quanto ao nostro Santo, cabem duas colocações diferentes: sobre a sua atuação e sobre a sua declaração.

No jogo de ontem, realmente Marcos não foi bem. Rebateu bem mal a bola do 2º gol e ainda soltou outra na seqüência, que só não terminou em gol porque o cara do Sto. André estava impedido. Ele falhou, mas é só isso. Quantas grandes defesas ele não fez só neste ano? Tem muito crédito.

Agora, quanto às declarações, todos nós conhecemos o Marcão. Ele sai de campo assim como eu sai do Palestra ontem: de cabeça cheia, irritado, chateado. Ele disse que jogaria até o final do ano que vem e vai jogar. Ele vai se acalmar e rever a “aposentadoria”.

DIEGO SOUZA
Esse é um grande mistério do futebol. Está certo que o time todo parecia cansado em campo, mas o Diego se arrastou. Ele não correu, não chutou, não tabelou, se escondeu e ainda cavou a expulsão (reparem no lance: ele chuta o cara do nada, no meio-campo).

Continuo o achando um baita jogador, mas, com essa vontade não há quem resista.

OS SEM CHANCE
Marquinhos, Lenny e Armero simplesmente não podem usar a camisa do Palmeiras. Todos são esforçados, todos correm, mas de que cazzo adianta correr se eles não produzem nada com a bola nos pés?! São nulos. O Armero perdeu um gol ontem que nem minha mamma perderia… o Lenny só corre… e o Marquinhos erra tudo o que tenta fazer.

Esses precisam sair. Hoje.

OS FRACOS
Edinho, Eduardo e Souza não foram bem também, mas entram em outra categoria: eles são mesmo limitados. Correm, batalham, mas nunca farão uma grande partida porque simplesmente não são craques. É bem diferente dos citados acima, que têm qualidade, mas nunca jogam.

ROBERT
Acho que eu fui um dos maiores críticos do Robert. E justamente por isso que o cara merece minhas desculpas: em 2010 ele é, disparado, o cara mais esforçado do time. Corre, pula, sai da área, volta, marca… sem dúvidas, o melhor em campo ontem e nos últimos 3 jogos. Palmas para ele.

ANTÔNIO CARLOS
Na minha opinião, perdendo por dois, acertou ao colocar um atacante no lugar de CleitonX. E depois acertou de novo em colocar Ivo (aliás, bela surpresa esse garoto). Mas errou em quem tirou, acabou por deixar o time tãomuito exposto e, claro, por deixar Diego Souza – visivelmente nulo – em campo.

No entanto, prefiro dar mais tempo a ele.

A MASSA
Hoje não vou falar mal da torcida. Até a equipe tomar o 3º gol – que foi mesmo a gota d’água -, todo o Palestra cantou e incentivou (inclusive a sempre chata Mancha Alviverde). Depois disso, não há santo (nem Marcos) que aguente. Quem, assim como eu, pagou R$30 para ver aquele horror de ontem, poderia protestar livremente.

E ainda assim… Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

Foi pouco, Palestrinos, foi bem pouco.

Mas, sem querer ser fatalista e levando em conta a seqüência maçante de jogos no início da temporada, o gol de Diego Souza foi um alento em noite de futebol fraco. O Flamengo piauiense é terrível, o Palmeiras me aparentou estar cansado e o resultado acabou sendo justo.

O JOGO
Começo de Copa do Brasil é assim: times pequenos jogando a vida em uma partida. E o Flamenguinho correu demais os 90 minutos – além de contar com um goleiro em noite de gala. A isso some-se uma noite infeliz de Deyvid Sacconi, mais um dia apagado dos laterais e, claro, um Robert nulo e você entenderá perfeitamente o placar do jogo.

O gol, aliás, foi uma das poucas jogadas bonitas do jogo. Linda tabela entre Edinho e CX10, grande passe pra Dieguito e, após um drible frustrado, um chute mascado no canto. Tirando este, teve lindo passe do nostro camisa 7 pra Sacconi no primeiro tempo e duas grandes cabeçada de Danilo no final do jogo.

Aliás, Muricy, fica a fica: por que não tirar Robert e escalar Danilo de camisa 9?

E falando em Muricy, acho bom ele mostrar aos jogadores a entrevista que Herivelton (goleiro dos hómi) deu ao final da partida, emocionado e festejando jogar no Palestra dia 24. Este é o espírito de quem valoriza onde está.

O MELHOR
Pelo gol e pela garra, Diego Souza.

O PIOR
Robert conseguiu jogar 90 minutos e nem ser notado em campo. Seria ótimo se ele fosse goleiro, mas ele é o centro-avante.

E AGORA?
Agora teremos que nos cansar dia 24, no Palestra, para garantir a passagem para a 2ª fase da Copa. E a diretoria voltou a afirmar que em breve teremos os dois atacantes prometidos (Ewerthon e Velazquez).

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

Meu forte nunca foram os números, Palestrinos.

Peguei recuperação de matemática em aboslutamente todos os anos do colégio, sem excessão. Mas hoje, observando as estatísticas do Paulistão no Lance!, percebi que os tais números são bipolares: podem ser extremamente sinceros ou totalmente traiçoeiros.

Reparem na tabela de ‘Dribles Certos’: Diego Souza é o 3º colocado, com média pouco superior a 4 dribles por jogo. Logicamente, é um número verdadeiro. Tão verdadeiro quanto Pierre ser o 2º maior ladrão de bolas do Campeonato – e, desconfio, logo será o primeiro.

Agora observem bem a tabela de Finalizações Certas: Robert é o 4º. Sim, o quarto melhor do Paulistão. E quantos gols tem? Três. Ou seja, tem um monte de caras que fizeram mais gols atrás dele nos números, mas, em campo, muito a frente.

Da mesma forma, Pierre constar na lista de Passes Certos é meramente ilustrativo, já que nostro guerreiro dá muito mais passes laterais do que passes para gol – no caso, o quesito onde Cleiton Xavier é imbátivel em qualquer torneio decente.

Portanto, nem sempre acreditem nos números. Prefiram assistir aos jogos.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

 

O resultado em si foi justo, Palestrinos.

Injusto foi a forma vergonhosa com que o Barueri-Prudente fez o seu segundo gol na partida. Apesar de estar jogando melhor no momento e de ter sido pênalti – bobeira total do Danilo -, nada justifica o árbitro não marcar um impedimento tão claro.

O JOGO
Mais organizado em campo, o time da casa deu trabalho para o Verdão. Com o tal de Tadeu (aliás, seria ele irmão daquele Nunes, do Santo André, que só joga contra a gente?) inspirado, cada ataque era um Deus nos acuda. E o principal motivo era ele, Armero. Errando mais passes do que nunca, todas as jogadas de perigo foram nas suas costas – incluindo o gol de Flavinho.

Justiça seja feita que Marcio Araujo e até Pierre estavam perdidos na marcação, mas o colombiano estava mesmo uma desgraça ontem. Por sorte, em um lance matreiro, Deyvid Sacconi chutou de longe, a bola desviou e entrou. Empate feito, o Palmeiras melhorou e o primeiro tempo acabou.

No segundo, o Palmeiras continuou errando passes e tomou sufoco no início. O que não justifica, é claro, o que aconteceu no bizarro lance do segundo gol do time de Presidente-Alphaville. PC Oliveira, tal qual PC Farias, roubou a todos nós. E a saída foi buscar o empate na raça, com uma cabeçada de Dieguito.

Ainda em tempo, as mexisdas de Muricy foram tardias, mas foram boas. E o empate ficou de bom tamanho.

O MELHOR
Diego Souza, pela vontade de decidir.

O PIOR
Armero, e nem preciso explicar.

ERROS
Além do da arbitragem, destaque para os erros de passe do Verdão e para a demora em mexer do Muricy.

EDMÍLSON
Para quem ainda não sabe, Edmílson rescindiu seu contrato com o Palmeiras. E não fará falta, já que estava claramente fora de forma física, além de não ter se adaptado a um time que precisa ser rápido. O que fica de positivo foi a atitude do jogador que, ao contrário de saláfrarios como Vágner Love, foi até a diretoria e disse que sabia ser caro demais pelo que estava rendendo.

Boa sorte pra ele em outro clube.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

Inegavelmente, sábado tivemos uma bela vitória, Palestrinos.

A equipe jogou bem, dominou o nervosismo, se acertou no intervalo (William não pode deixar Deyvid Sacconi no banco) e contou com um talento muitíssimo superior para golear o tenebroso time do Mogi Mirim. Cleiton Xavier começou o ano voando, Diego também demonstrou vontade, Léo estreou com gol (apesar de errar no gol do Mogi) e Pierre foi o Pierre de sempre.

Mas com os 5 a 1, convenhamos, não podemos nos empolgar muito. O jogo de sábado foi uma continuação da pré-temporada, que já havia contado com uma goleada no Taubaté e uma vitória dos reservas diante do Campinas. Estes primeiros jogos são, de fato, a continuação da preparação para o ano.

Mas que foi bonito, foi!

COPINHA
Olha, pode até ser que nós não ganhemos a Copa São Paulo, mas este time está mostrando belos valores. O lateral-esquerdo Gabriel Silva, por exemplo, me parece um Armero melhorado: corre, mas também pensa. No meio, Gilsinho e Ramos dão mostras de que podem render bem. Enquanto, no ataque, o grandalhão Miguel pode ser opção de banco quando tivermos que erguer bola na área.

Ontem, batemos o time da Traffic – Desportivo Brasil – nos pênaltis, e enfrentaremos a Portuguesa nas quartas. Olho na molecada, Muricy! Principalmente no Paulistão, eles podem ajudar bastante.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

Fim de festa, Palestrinos.

E com a vassoura na mão, é hora de juntar os cacos e planejar 2010. Tem contrato acabando, tem contrato que só começou (mas já deve ser rescindido), tem jogador para emprestar, doar, vender, comprar… vamos ao catadão de final de ano. Vamos brincar de ser Muricy.

DISPENSAS
Com contrato acabando, é bem claro que Jefferson, Henrique e Paulo Miranda deixarão o elenco. Eles chegaram como tampões e não renderam nada. Nesta barca, eu juntaria ainda mais algumas figuras, como Marcão, Edmílson, Jumar, Marquinhos e Willians.

Com o nome Marcos, no nosso time, só o santo.

COMPRAS
Danilo e Ortigoza têm que ser adquiridos. Nenhum dos dois é um primor de categoria, mas são dois jogadores raçudos e dedicados que mostraram gostar da camisa do Verdão. Parece que a negociação anda difícil, mas será necessário (mais) um esforço da diretoria.

VENDAS, EMPRÉSTIMOS E ROLOS
Maurício Nascimento será mesmo emprestado. Dizem, para algum time da Série B, estilo Coritiba, para amadurecer. E, pelo ocorrido, parece justo. Quanto a possíveis vendas, é muito difícil dizer algo. Quem pode receber proposta (Pierre, Diego Souza e Cleiton Xavier), só sairá em caso de clubes europeus abrirem os cofres em janeiro – o que não é nada normal, já que é o meio da temporada para eles.

E você, quem acha que deve ser dispensado do Verdão para 2010?

Amanhã tem post sobre quem você acha que pode reforçar o Verde.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

« Newer Posts - Older Posts »