Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘figueroa’

palxcor_0111

Foi na razza, Palestrinos!

Claro que não foi do jeito que imaginávamos, mas, dentro das circunstâncias da partida, foi um empate para se orgulhar. Muita fibra, muita raça e vontade, com 40 graus na cabeça e 1 a menos por 55 minutos.

Permanecemos líderes e, óbvio, a freguesia continua.

O JOGO
Com um 3-5-2 bem montado, o Palmeiras começou o jogo com total diomínio. Tocava bem a bola, desarmava fácil e chegava com perigo pelas laterais. Duas vezes consecutivas, aliás, Figueroa chegou na diagonal e podia ter chutado em gol, mas preferiu cruzar.

E de tanto chegar sem marcar, pagamos pelo pecado. Maurício errou na linha de impedimento e Marcos fez pênalti em Jorge Cai-Cai Henrique: expulsão e gol do Gordo.

Instantaneamente, Muricy tirou Obina e colocou Bruno. E com o time ainda perdido, Danilo foi obrigado a fazer falta dura em um contra golpe para não sofrermos o segundo gol (por sinal, o amarelo foi justo).

Com Marquinhos no lugar de Marcão (boa, Muriçoca!), voltamos dispostos a empatar na segunda etapa. E o empate veio logo aos 6 minutos: Danilo, de cabeça, aproveitou batida perfeita de Figueroa pra empatar.

Novamente aos 20′, porém, uma linha errada de impedimento culminou no segundo gol dos gambás. Bruno demorou pra cair e de novo o Gordo marcou. A partir daí, ficou difícil. Corinthians tocando a bola, Muricy mexeu novamente bem colocando o Coalhada, mas tínhamos um a menos.

Foi quando Diego conseguiu uma faltinha salvadora, de novo nostro lateral chileno cruzou e Maurício se redimiu da falha no 1º gol empatando de cabeça. Tão acostumado a tomar gols de bola parada, dessa vez nós empatamos com a cabeça e de cabeça.

O MELHOR
Na minha opinião, Figueroa.

O PIOR
Acho até injusto tentar apontar um pior nesta partida. Ninguém foi tão abaixo de ninguém. Mas já que tenho que escolher um, fico com Vágner Love – que novamente ficou abaixo do que se espera.

E AGORA?
Agora faltam 5! Temos Flu fora, Sport em casa, Grêmio fora, Atlético/MG em casa e Botafogo fora. Se dá pra ganhar? É claro que dá! Rumo ao Penta.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Anúncios

Read Full Post »

pal2x2ava_0810

É difícil de admitir, mas é a verdade, palestrinos.

Ontem, em pelo Palestra Itália lotado, tivemos que comemorar o empate em 2 a 2 com o Avaí. Porque se houve um time que poderia ter vencido, este foi o das havaianas. A rodada, no entanto, foi excelente. E continuamos 5 pontos na frente rumo ao penta.

O JOGO
Por jogar em casa, o Verdão começou indo pra frente. Mas dava pra sentir que a marcação estava bem forte. E piorou ainda mais depois que nostro amado Marcão desviou uma bola pra trás e fez Avapi 1 a 0.

E como desgraça pouca é bobagem, mais uma bola pra área terminou nas redes de São Marcos. O impressionante é que, se no 1º gol foi azar, no segundo o cara subiu absolutamente sozinho. Inaceitável…

Daí parece que o Palmeiras acordou. E ainda que no bumba-meu-boi, Love pegou uma sobre dentro da área e bombardeou a careca do goleirinho do time pequeno pra fazer 1 a 2. No intervalo Muricy corrigiu suas falhas e tirou o ridículo Jefferson para a entrada de Willians – além de Obina saindo para a entrada do matador Robert.

E logo aos 2 minutos, Edmílson perdeu um gol incrível de cabeça. Mas a pressão continuou, embora sendo disconexa e com um balde de passes errados (Marcão e Souza lideraram o quesito). Nos contra ataques, as sulistas quase aumentaram algumas vezes – Edmílon salvou uma que compensou o gol perdido e Marcos fez uma defesa impressionante.

De tanto insistir, aos 40′, veio o empate. Robert, de cabeça, após correria de Ortigoza. E aí a frase de Muricy após a partida faz todo o sentido: ganhamos, sim, 1 ponto.

O MELHOR
Sem dúvidas, Figueroa. Gostei da aplicação de Jumar, mas o chileno brigou e correu o campo todo.

O PIOR
Jéfferson com toda a certeza! E olha que Marcão foi, de novo, muito mal e Souza fez sua primeira partida ruim pelo Verdão.

HEIN?!
Só queria entender quem deixa um jogador que não joga há um baita tempo, bater uma falta frontal perigosíssima logo após ter empatado o jogo. Que diabos o Jefferson foi bater aquela falta?! Óbvio que ia pra fora.

RODADA PERFEITA
Bambis empataram, galinhas e goianas perderam. O Inter, cá entre nós, nem mais na briga está. Então o empate acabou não fazendo tanta diferença. Mas que sirva de lição para a equipe.

E AGORA
Agora é o Náutico, segunda-feira, 16h, em Recife. Sem Love, Edmílson e Obina – fora os convocados e lesionados. Só não custa lembrar que o time de Recife é ridiculamente ruim… pra cima deles!

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

palxatlpr_2608

Final de semana de campeão, palestrinos.

E não só pela vitória sem tanto brilho, mas objetiva de sábado. Pela segunda vez seguida a rodada foi quase perfeita para nós e agora vem uma seqüência boa para decolar.

2×1 no VENTINHO
Se o resultado não foi tão simples de construir quanto esperávamos, tampouco foi tão complicado quanto pode aparentar o placar. Melhor durante todo o 1º tempo, apesar dos paranaenses finalizarem mais, o Verdão até demorou para fazer 1 a0, em lance de puro oportunismo de Figueroa.

O problema foi que, como de prache, falhamos pelo alto. E numa bola marota desviada no primeiro pau, o Atlético empatou. Eram XX’ do segundo tempo e o Verdão teria que se superar.

E, grazie a Dio, não demorou muito.

Em um escanteio a favor, a bola foi mal batida, mas Danilo foi muito inteligente e a colocou, de carrinho, no canto do goleiro Galatto. 2 a 1, vantagem nostra e bola pra jogar.

Sem Cleiton Xavier, a bola roda menos pelo meio. E por isso ainda foi preciso sofrer alguns sustos. Marcos pegou demais! Mas a vitória veio e mostrou um Palmeiras bem diferente daquele do ano passado: 3 pontos acima de tudo, com um time consciente.

INVESTIMENTO PARA O MELHOR EM CAMPO
Danilo fez um e salvou um em cima da linha. Pela importância direta (e por valer os R$100 mil de multa do empréstimo), foi o melhor em campo. Muito embora Marcos e Souza tenham jogado muito.

TROPEÇOS
Numa verdadeira piscina, o Inter não saiu do zero com o Flamengo. Já no clássico do empate… deu empate! Bâmbis e gambás duelaram e ficaram no 1 a 1. Rodada excelente pro Verdão!

E AGORA?
Agora é Santos fora, Avaí em casa, Náutico fora. Seqüência pra decolar ou não?!

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

Figueroa_Palmeiras_25062009_1_292x280

Sabem quem é esse rapaz da foto acima, palestrinos?

É o lateral-direito Figueroa. Aquele que veio do Colo Colo, indicação do Luxemburgo, que apóia bem. Aquele mesmo que ninguém lembra mesmo após dois confrontos diante dos chilenos.

Dois meses após chegar ao Palmeiras ele só treina. Não estreiou. Está eternamente recuperando a forma física. A pergunta de verdade é: esse cara é muito ruim ou ele é bichado?

Porque Wendel não é nenhum Arce – quiçá um Neném – e mesmo assim segue absoluto, sem sombra de reserva. Ou esse rapaz é ruim de bola e não querem queimá-lo agora ou ele é daqueles que nunca ficará bem fisicamente.

Em 2003, lembrem-se, chegou o atacante colombiano Carlos Castro, que treinou 4 meses na Academia e simplesmente foi embora. Será que esse gringo é o neo-Castro?

Bate na madeira…

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

contratacao

Eu não gosto muito de falar sobre fofocas do mundo da bola. A maioria das coisas é balela e só serve pra alimentar expectativa. Só que a chegada da segunda fase da Libertadores, no entanto, levantou uma série de burburinhos sobre o nosso Palestra…

… e como nós temos sangue italiano, vamos falar sobre tudo!

  • Vitor: o lateral-direito do Goiás é excelente, mas é caro. Ele já passou da idade que a Traffic gosta de investir e, com os goianos na Copa do Brasil, acho difícil o liberarem.
  • Figueroa: é o nome da vez pra nossa carente lateral destra. Joga no Colo Colo, tem 26 anos e seria adquirido pelo próprio Palmeiras (sem parceria). É rápido e apóia bem, pode dar certo.
  • Kieza: é jovem, joga no Americano (RJ) e vem se destacando este ano. Mas se vier, vem só como aposta; resolver o menino não vai.
  • Kléber Pereira: que faz gols, é incontestável. Que perde outros tantos, também. Mas caso Keirrison saia mesmo, é uma ótima opção – só não vale a pena fazer loucuras por ele.
  • Keirrison: já ouvi a mesma história de dois amigos diferentes – ele está negociado com o Barcelona. Não sei se é verdade, mas, se for, precisamos de reforços.
  • Evandro, Maurício e Deivid: podem ser dispensados, emprestados ou usados como moeda de troca. Lenny também perdeu espaço, mas Luxa gosta dele.

Resumindo é isso, amicos. Futebol tem muito blábláblá, mas é fato que o Verdão irá atrás de reforços; só não se sabe quem. Aguardemos.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »