Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘parraga’

Respiremos, Palestrinos.

Nunca na história uma Copa do Mundo chegou em um momento tão oportuno. Não que eu realmente ache que uma pausa de 40 dias vá mudar tudo, que Kléber é o salvador da pátria ou que trocar de patrocinador nos deixará multi-milionários, mas esse intervalo será muito bem-vindo.

E isso acontece pelo sentimento de alívio que todos nós estamos sentindo agora. Nenhum sentimento é mais sincero do que este alívio por sabermos que nesta semana não terá sufoco. É triste, amigos, mas é a verdade. Foi pensando nesta pausa que deixei o Pacaembu conformado na última quarta e foi também pensando nela que desliguei a TV aliviado ontem.

O BRASILEIRÃO
Faltam 31 rodadas para o final do campeonato e hoje estamos na 10ª colocação, com 9 pontos (8 atrás dos líderes): tudo dentro do esperado. O problema é que, se esse panorama já era esperado, ao mesmo tempo ele é perigoso. Não podemos ser conformistas e achar normal o Palmeiras estar nesta situação.

A diretoria tem mesmo que se mexer e está bem claro que, ainda que contemos com o Gladiador, precisamos de mais um atacante, um meia e um lateral-esquerdo urgente. E não peço craques, não; peço apenas que tragam boas peças, que possam entrar e corresponder.

Aí poderemos ter um segundo semestre não vencedor, mas tranquilo.

PARRAGA
Para mim, cumpriu seu papel perfeitamente. Se não demonstrou ser um treinador pronto para assumir a nostra equipe, ao menos fez o melhor que ele – e qualquer ser human0 – poderia fazer. Escalou os 11 melhores, mexeu quando achou necessário e pode ser um bom técnico futuramente. Obrigado, Parraga.

CHOQUE DE REALIDADE
Olhe para o grupo que o Palmeiras tem hoje e pense quem são os jogadores para chamar a responsabilidade. Seja por salário, idade ou influência, você não precisará pensar muito para ter a resposta: Marcos, Danilo, Cleiton Xavier, Lincoln e Ewerthon.

São Marcos tem sido regular; a defesa, salvo algumas falhas, vem fazendo o que pode; Lincoln e Ewerthon têm sido o respiro criativo da equipe; agora eu te pergunto: falta o que pra alguém dar um tapa na orelha do Cleiton e lembrá-lo de que ele é o camisa 10 do time?!

Não é questão de quimá-lo, só de acordar o rapaz.

DIEGO SOUZA IS BACK?
Essa é a nova da semana. Já que ninguém quer pagar o que a Traffic quer e o time vem jogando pra empatar, parece que a diretoria já mostra interesse em reintegrar Diego ao grupo. Minha opinião, direto e reto: se pedir desculpas a torcida e estiver MESMO afim de jogar, podemos conversar.

MAS E OS JOGOS, CAZZO?!
Contra o Flamengo tivemos muito volume de jogo, mas não tivemos um atacante. Contra o Inter, tivemos muita vontade e um sopro de talento. Dizer mais seria exagero.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Anúncios

Read Full Post »

Não vamos nos iludir, Palestrinos.

Ontem, no Morumbi, nós não perdemos porque falhamos no 7º pênalti em 9 batidos no ano. Ontem, mais uma vez, nós perdemos para os nostros próprios erros. Simples assim. Erros de um time que teve 46 passes errados, que se virou na base do chutão, que mais uma vez dependeu de Marcos e que, de novo e de novo e de novo, saiu derrotado pela própria incompetência.

O JOGO
O Palmeiras entrou em campo com o mesmo time e proposta de sábado: fechar o meio, tocar a bola e atacar quando possível. Assim começamos num 4-4-2 que dependia muito dos apagados e bem marcados Lincoln e Cleiton Xavier, e que piorou ainda mais quando nostro camisa 10 saiu lesionado e Souza foi para o jogo. Pra resumir, o primeiro tempo foi de marcação.

E tão logo começou o segundo, Maurício Ramos cometeu o erro infantil de marcar um atacante canhoto pelo lado direito e sofremos o gol. A partir daí, foi bumba-meu-boi. Atacamos, corremos, tentamos, mas sem elenco é realmente difícil. Imaginei Parraga olhando para o banco e estudando se colocava Ivo ou Paulo Henrique, Dio mio…

Então, na última chance que tivemos, Ewerthon bateu o pênalti e perdeu. Rogério mudou de tática, não ajoelhou e pegou bem a cobrança. Não adiante crucificar o atacante. Outros já perderam, o problema é psicológico, vai passar assim que um deles balançar as redes.

Em suma, o resultado de um jogo ruim e mal jogado só poderia ter sido a derrota.

O MELHOR
Sempre ele, São Marcos – embora Vinicius mereça menção honrosa.

O PIOR
Mauricío Ramos perdeu todas pelo alto e errou no gol. Mas ganharia fácil a companhia de Marcio Araújo.

NOVO TREINADOR
Felipão não vem, é um fato. Então eu continuo com minha opinião: melhor deixar Parraga trabalhar e ganhar seu dinheirinho, ao invés de gastar milhares de reais com um Zé Mané qualquer. Sem ilusão, a melhor coisa a fazer é ter os pés no chão.

E AGORA?
Agora é seguir em frente. Sabemos qual é a nostra realidade e o jogo de sábado, “em casa”, diante do Grêmio Prudente é essencial. Precisamos vencer e continuar caminhando no torneio. Um time mediano buscará uma posição mediana. Vamos torcer.

Siamo Palestra!

ROJAS.

Read Full Post »

Foi bonito, Palestrinos.

Com a arquibancada lotada e um clima de festa que começou quatro horas antes da partida, o Verdão deu ‘até logo’ ao Palestra Itália com uma grande tarde/início de noite. Os 4 a 2 pra cima do Grêmio só ajudaram a coroar um dia que já tinha começado com festa italiana e que contou com festa no chiqueiro.

O JOGO
Apesar de não ter tido mudanças táticas marcantes, o Palmeiras entrou em campo com outro espírito. Seja pelo trabalho de Parraga ou pelo orgulho ferido dos atletas, o fato é que entramos para comer grama e o resultado veio logo.

Aos 15 minutos, em boa jogada de Vinicius e Cleiton Xavier, a bola sobrou pra Ewerthon marcar o primeiro. E o segundo nem demorou: antes dos 30′, em lindo contra ataque, Vitor cruzou, Vinicius tentou e de novo Ewerthon marcou no rebote. E o jogo poderia ter sido fácil, fácil não fosse pela afobação do time que, empolgado, perdeu a bola e viu Jonas diminuir no contra ataque.

Mal começou o 2º tempo e o caldo engrossou: em cobrança de falta, Hugo meteu de cabeça e empatou. Por sorte achamos o terceiro também de cabeça, após grande subida de Maurício Ramos aos 15′. E dez minutos depois matamos o jogo em linda tabela Cleiton-Vinicius, gol do camisa 10.

Foi merecido, mas, acima de tudo, foi com vontade.

O MELHOR
Cleiton Xavier. Quando ele entra no jogo, é outra coisa.

O PIOR
Não só pela expulsão, mas Marcos Assunção errou todos os passes que tentou dar na primeita etapa.

SURPRESA
Gostei MUITO da atuação do garoto Vinicius. Se mexeu, correu, caiu, subiu de cabeça… tomara que ganhe seqüência. Afora ele, Edinho continua a substituir Pierre em grande nível, Vitor apoiou muitíssimo bem e a zaga foi segura enquanto pôde.

JUIZÃO
Mais uma vez um juiz bundão apitou no Palestra. E não só foi banana no lance de expulsão de Assunção e Douglas, como ignorou um pênalti ridiculamente claro em cima de Pablito Armero (que, por sinal, fez uma dancinha sensacional junto com Ewerthon no segundo gol).

E AGORA?
Agora é a bicharada, no Morumbi, quarta a noite. Não teremos Pierre, Armero, Leo e Assunção, mas contamos com a volta de Lincoln. Aposto em um time parecido com o deste sábado, com Maurício na zaga e Souza de volante.

Siamo Palestra! (no Pacaembu, Morumbi, Barueri, Canindé…)

ROJAS.

Read Full Post »